Como definir preço no meu salão de beleza

Como definir preço no meu salão de beleza

Que o mercado da beleza é muito competitivo não é novidade para ninguém, né? E muitas vezes só oferecer produtos e serviços de qualidade não é o suficiente. Por isso a boa gestão do seu empreendimento é imprescindível. Mas você sabe como precificar seus serviços?

Pode parecer simples, mas definir o valor cobrado dos clientes vem sendo uma das maiores dificuldades que os donos de salão de beleza enfrentam. É uma tarefa que exige que você leve em consideração tanto seus custos, quanto os benefícios que você pretende oferecer aos clientes. É importantíssimo ficar atento para evitar prejuízos – se você calcula mal, talvez você acabe tendo uma surpresa bem negativa ao final do mês.

Saber precificar é a chave para o sucesso do seu salão e ter um preço justo é uma tática para se destacar e consequentemente atrair mais. Em vista disso separamos algumas dicas para ajudar você na hora de definir os preços. Vamos lá?

Avalie os custos do empreendimento

Ou seja, tenha na ponta do lápis todos os custos que você tem a fim de manter seu salão ou barbearia funcionando.  Divida seu orçamento em custos fixos e variáveis – os custos fixos, nada mais são do aqueles gastos que você vai ter independente de quantos serviços ou produtos vender, como aluguel, água, telefone, internet, impostos entre outros. Por sua vez, os custos variáveis são relacionados aos serviços prestados, materiais utilizados, comissão dos profissionais, compra de produtos, taxa da máquina do cartão de crédito entre outros. Detalhe cada um destes gastos separadamente, assim você vai ter uma visão exata de quanto gasta exatamente com uma depilação ou um corte de cabelo.

Feito isso, vamos para a próxima etapa!

Determine uma margem de lucro

Faça este cálculo de acordo com quanto cada serviço custa para você. Leve em consideração coisas como comissão de funcionários, taxa de cartões e o material utilizado para finalizar determinado serviço. Em seguida determine sua margem de lucro levando em conta quanto deseja ganhar com cada serviço.

Mas atenção: seja maleável! Pesquise os preços da concorrência local. Evite colocar preços muito altos a menos que você oferte um diferencial que sirva para justificar este valor!

Na hora do cálculo não se esqueça também dos gastos fixos e das exigências tributárias da empresa. Por exemplo, se você tem um custo fixo de R$1000,00 de aluguel, isso significa que você está pagando R$33 por dia para atender clientes em seu estabelecimento. Agora, pare e pense: quantos clientes você precisa atender/dia para garantir que o valor do aluguel seja quitado ao fim do mês? Se sua meta é atender dez clientes por dia, significa que você precisa embutir R$3,30 em seu preço para pagar o aluguel. Leve em consideração todos os seus custos fixos neste cálculo para não dar bobeira!

Com essa visão do todo você consegue fazer sua precificação sem dores de cabeça.

Possua um diferencial competitivo

Mas como faço isso? Simples!

Como mencionamos anteriormente, o preço do seu salão deve equivaler aos preços dos salões locais a menos que você possa oferecer um valor agregado que justifique o preço que você cobra (caso seja mais caro). Ele é o seu diferencial competitivo, ou seja, os recursos e vantagens oferecidos pelo seu salão é o que o diferencia da concorrência e consequentemente faz com que o cliente escolha os seus serviços.

Mas como posso agregar valor ao meu salão de beleza?

Fácil!

Você pode criar estratégias como programas de fidelização, marketing para estética e formas fáceis de atendimento. O agendamento é primordial em um salão, pois é muito desagradável uma cliente chegar e descobrir que não tem horários disponíveis. Pensando nisso, o ONE Beleza oferece um aplicativo de agendamento para salão de beleza e barbearia, facilitando que seus clientes possam marcar com você, sem precisar ir ao salão ou ligar para sua recepcionista. Todo o processo é feito pelo aplicativo que estará sincronizado com a agenda do salão e evitará que seus clientes marquem em horários ocupados.

Não se esqueça de ficar atento ao feedback dos clientes, existem vários motivos pelos quais eles dão preferência para determinado salão. E isso vai desde preço, até os produtos utilizados e a credibilidade da marca, bem como tratamento dado aos mesmos, promoções, etc, etc.

Estude o perfil do seu público alvo

Feito o levantamento de custos, leve em consideração o preço que o seu cliente possa pagar. Salões que tem como clientela a classe média ou até mais baixa devem colocar preços mais acessíveis. Já salões que oferecem produtos de marcas renomadas e tem como público alvo as classes A e B podem se dar ao luxo de ter preços mais altos. Esse estudo do público é bastante importante a fim de fazer ajustes na sua tabela de preços, uma vez que você poderá ter uma ideia maior do quanto seus clientes poderão pagar.

Parece difícil, mas é mais fácil na prática!

Você percebeu que precisa ganhar mais do que gasta não é mesmo?

Então não abra mão de uma planilha de custos na qual você terá todos os gastos detalhados. Acompanhe sempre a agenda e o estoque, faça a verificação de faturamento todo dia e acompanhe o fluxo de caixa.

Se você não quer fazer tudo no manual, você pode automatizar este controle com um software de gestão para salão de beleza e barbearia. O ONE, além de te oferecer uma agenda online, também produz relatórios gráficos completos e robustos que mostram os resultados obtidos pelo seu negócio.

Gostou das nossas dicas? Compartilhe com a gente o que você tem feito para definir os preços no seu salão!

One Beleza & Bem Estar

The author didn't add any Information to his profile yet.

Leave a comment

Your email address will not be published. Required fields are marked. *
WhatsApp chat